Resultado de parcerias com as grandes empresas de vestuáriosAlgumas virtudes, ou atitudes, do ser humano, são mesmo muito difíceis de se explicar ou entender. A solidariedade é uma delas.Há quem diga que solidariedade não se trata de um sinônimo moderno para o voluntariado, já que esta forma de ação é, na verdade, um de seus produtos. Também não é caridade, compaixão ou assistencialismo. Na verdade, ela vai além de tudo isso. Solidariedade é enxergar o grupo como algo sólido, interessar-se pelos outros e fazer algo por eles.Não é apenas um sentimento, mas uma postura diante da vida, uma disposição para se colocar como alguém que não está sozinho.Sabemos que existem diversas formas das pessoas ajudarem e serem solidárias. Sabemos ainda que estas ações independem da idade, profissão ou escolaridade de cada um. Dependem, isso sim, da boa vontade e do desejo de querer fazer algo por alguém. Assim é um dos trabalhos do Projeto Mão Amiga. Suas atividades principais são a distribuição de cestas básicas, apoio jurídico e social na região norte mineira – trabalho feito 100% por voluntários, beneficiando assim, muitas famílias carentes. Vale lembrar que o Projeto Mão Amiga não recebe qualquer ajuda oficial. Os recursos financeiros são oriundos de doações espontâneas dos nossos mantenedores.Pedaços de panos coloridos estão mudando a vida dos ribeirinhos do rio São Francisco no norte de Minas. Pessoas que nunca haviam manuseado máquinas de costura antes, agora além de tapetes criam também roupas. E o que é mais motivante, elas estão felizes com o trabalho, pois podem melhorar a renda familiar que é quase zero e aprender artesanato.As famílias ribeirinhas com seu próprio trabalho geram renda e se profissionalisam e mostram seu belo trabalho de confecções em retalhos.Idealizadoras das Oficinas de Costura.

Maria Elena, Eunice Alves, Berenice, Carmem e Palmira pioneiras e voluntárias do Projeto de Costura nas ilhas.

Berenice uma instrutora voluntária em corte e costura.

Afonso, Kléver e Laércio doadores de duas máquinas de costura industrial para o Projeto.

Wilson e Kellen Cristina das Confcções Graciolly doadores dos retalhos.

Orgulhosamente a comunidade carente exibe tapetes confeccionados por eles próprios nas oficinas que foram montadas nas ilhas pelo Projeto Missionário Mão Amiga. Dezembro 2009.

Crianças mantidas pelo Projeto e beneficiadas também pelas oficinas de costura.

Anúncios